expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Subscreve a Newsletter Semanal

terça-feira, 22 de setembro de 2015

#Review - No Rest for the Wicked, de Dane Cobain


 
Sinopse
Quando os Anjos atacam, não há descanso para os imorais. O Padre Montgomery, um velho padre com um passado secreto, começa a investigar depois dos seus paroquianos serem atacados, e com a ajuda de Jones, um jovem homem de negócios com uma infância distante, Montgomery começa a rastrear a origem dos Anjos. Os Anjos estão nus e são andróginos. Eles falam numa harmonia terrível e não têm um líder claro. Estes não são querubins bíblicos incumbidos da protecção dos correctos - estes são criaturas de luz mortais que têm o poder de erradicar completamente. Quando o próprio Jones é atacado, Padre Montgomery sabe que tem de agir depressa. Ele fala com os Anjos e organiza um confronto final onde ele é chamado para fazer o último sacrifício.

(Original)
When the Angels attack, there's NO REST FOR THE WICKED. Father Montgomery, an elderly priest with a secret past, begins to investigate after his parishioners come under attack, and with the help of Jones, a young businessman with an estranged child, Montgomery begins to track down the origin of the Angels. The Angels are naked and androgynous. They speak in a dreadful harmony with no clear leader. These aren't biblical cherubs tasked with the protection of the righteous - these are deadly creatures of light that have the power to completely eradicate. When Jones himself is attacked, Father Montgomery knows he has to act fast. He speaks to the Angels and organises a final showdown where he's asked to make the ultimate sacrífice.

Opinião
Este livro chegou às minhas mãos através da gentileza do seu autor que me enviou um exemplar para que pudesse partilhar com todos vocês esta obra e a minha opinião acerca da mesma. Devo dizer que é um que demorou um pouco a prender-me à sua trama. Ao início a história estava um pouco confusa e dispersa pelos diversos saltos no tempo, ora no presente, ora no passado. No entanto, a dada altura, não consegui descolar até saber como a humanidade se livra destes seres maléficos que se alastram por todo o mundo, ainda que sob diferentes nomes.
 
O passado do Padre Montgomery começa a ficar claro ao longo da história e justifica muitas das suas atitudes ao longo do livro. Pelo meio, uma invenção que pretende explicar o momento da Criação, pondo Igreja e Ciência novamente de costas voltadas e provocando o medo nos católicos que temem que se prove que Deus não existe.
 
A própria figura destes "Anjos" vão contra tudo aquilo que imaginamos que estes seres deveriam ser. Em vez de protegerem os justos, eles atacam os pecadores, julgando-os e eliminando-os. E são estes desaparecimentos e mortes crescentes que aumentam o pânico entre as populações. Até que o nosso herói decide defrontá-los num combate de vida ou morte. Quem vencerá esta batalha? A piedade ou a justiça impiedosa?

Podem descobrir a resposta no final deste livro e podem adquiri-lo na Amazon.
Mais sobre o autor no Facebook e no Twitter.

Sem comentários:

Obrigada pela visita e pelo comentário. Terei todo o gosto em responder muito em breve.
*Não esquecer de marcar a caixinha para receber notificação quando a resposta ficar disponível.
Até breve!